Dica do Chef: Aprenda a preparar um delicioso bacalhau!

Dica do Chef: Aprenda a preparar um delicioso bacalhau!

É praticamente impossível falar da Semana Santa e não se lembrar de um delicioso bacalhau, não é mesmo? Este peixe de água fria, que não é característico da fauna brasileira, é um dos ingredientes mais procurados pelos brasileiros para celebrar os feriados de Páscoa  e Natal.

Porém, apesar de ser mundialmente apreciado, pouquíssimas pessoas conhecem de fato a origem do bacalhau, enganando-se ou até mesmo confundindo-se na maioria das vezes.

Aliás, você sabia que bacalhau não é um peixe? Na verdade, damos este nome aos peixes específicos, principalmente, depois de um processo de salga e secura. Mas atenção! Somente podem ser chamadas de muscle mastery: strategies for optimal muscle gain bacalhau as espécies Gadus ogac, Gadus morhua, Gadus macrocephalus e muitas outras.

Pensando em como podemos lhe ajudar a explorar tudo que o bacalhau tem para lhe oferecer, reunimos várias informações e curiosidades sobre o bacalhau. Então, aproveite para tirar suas dúvidas e aprenda a preparar um delicioso bacalhau! Além disso, aproveite para comprá-lo em nosso site por um preço super especial. Mas, corre! São os últimos!!!

Acompanhe a leitura!

Por que o bacalhau é o prato especial para o Natal?

Peru e frango, tão tradicionais nas ceias de Natal, nem sempre são as estrelas da mesa brasileira. Muito antes deles, quem fez e ainda faz sucesso foi um dos peixes mais reverenciados do mundo: Gadus morhua, o autêntico bacalhau norueguês.

Muitas famílias brasileiras mantêm a tradição de comer bacalhau à mesa na véspera de Natal. A maioria até os complementa combinando pratos tradicionais com receitas à base de peixe.

E de onde vem essa tradição?

A ideia de levar bacalhau à mesa na ceia de Natal remonta à Idade Média, quando os cristãos eram obrigados a jejuar durante os principais feriados católicos — incluindo o Natal. Este jejum significa não comer carne, mas peixe. Neste caso, o bacalhau era uma das opções mais baratas e, portanto, se tornou popular.

Ao longo dos séculos, esse jejum cristão desapareceu. Mas o costume de comer bacalhau nos dias santos mantém-se e tornou-se uma tradição. Por exemplo, o bacalhau ainda é, até hoje, o prato principal das ceias de Natal em muitos lares brasileiros.

Mas, afinal, qual a origem do nome bacalhau?

O nome bacalhau não é o termo original utilizado para classificar os peixes com estas características específicas. Este termo é o nome dado ao processo de salga e cura utilizado para os peixes Gadus morhua e Gadus macrocephalus, conhecidos por Bacalhau Porto Imperial e Bacalhau Porto.

Hoje, o mesmo processo é usado para salgar outros peixes, como Ling, Saithe, Zarbo e Pollack, que também são considerados comercialmente um tipo de bacalhau. Cada peixe tem até características que podem ajudar a distingui-los:

Gadus morhua: considerado a espécie mais nobre de bacalhau, pescado nas águas do Atlântico Norte.

Gadus macrocephalus: popularmente conhecido como “Bacalhau do Pacífico”, pescado nas águas do Pacífico Norte. Além disso, é muito semelhante ao que se parece com o bacalhau imperial.

Ling: este tipo de bacalhau possui uma coloração clara, perfeito para servir grelhado.

Saithe: possui uma coloração mais escura e sabor forte, ideal para servir em saladas, fazer bolinhos de bacalhau, ensopados e tortas.

Aprenda a preparar o bacalhau

Provavelmente o maior desafio na preparação do bacalhau é o seu processo de dessalgue, que permite que a carne seja consumida deliciosamente sem excesso de sal. Então, para dessalgar, é importante colocar as postas em uma vasilha com água, submergir completamente, trocar a água a cada três horas e manter tudo na geladeira o tempo todo.

Então, durante a preparação, quando o processo de dessalgação do peixe estiver concluído, retire cuidadosamente a pele e os espinhos. Escolha os pedaços que você usará na sua receita e congele o restante para usar em outra receita. 

Para fazer isso, basta escorrer bem as fatias e secar tudo com um papel toalha, depois coloque em um pequeno saco plástico e deixe no freezer. Neste caso, o bacalhau congelado pode durar até três meses.

Dica do chef: arroz com brócolis e alho dourado!

O preparo é fácil e prático. Não tem nenhum segredo. E a dica do chefe é excepcional, basta que o prato seja servido com arroz com brócolis e alho dourado. Então, anote os ingredientes!

Ingredientes:

  • 3kg de lombo de bacalhau (não esqueça de dessalgar, ou compre já bacalhau dessalgado)
  • 2 cebolas em tiras pequenas
  • 1/2 pimentão vermelho em tiras
  • 1/2 pimentão amarelo em tiras
  • 150 gr de azeitonas pretas
  • 250ml de azeite
  • 130 gr de alho frito
  • 200 gr de tomate sweet grape
  • Salsa, coentro e sal (a gosto)
  • 5 batatas cozidas em rodelas
  • 4 ovos cozidos

Anotou os ingredientes? Então, vamos ao modo de preparo!

Modo de preparo:

  1. Forre uma assadeira com as batatas, coloque os lombos de bacalhau por cima e cubra com a cebola crua fatiada.
  2. Coloque os pimentões, as azeitonas, o alho frito e uma pitada de sal.
  3. Regue com azeite e leve ao forno a 200°C por 40 minutos.
  4. Após assado, adicione os tomates e asse por mais 5 minutos.
  5. Retire e adicione os ovos cozidos partidos ao meio, folhas de salsa e coentro inteiras.

Pronto! Agora é só servir! 

Encontre o bacalhau perfeito no Empório Vivenda do Camarão!

Conhecer as principais características e informações do bacalhau podem lhe ajudar muito a preparar uma receita deliciosa. Que tal testar a receita acima? Todos os ingredientes você encontra no site do Empório Vivenda do Camarão, lá tem: Lombo de bacalhau, Bolinho de bacalhau, Minicoxinhas de Bacalhau e muito mais. 

O que você está esperando? Visite nosso site e garanta o bacalhau ideal para a sua receita!

Compartihe este post

Posts que você pode gostar: