Lagosta: um prato chique para comer de vez enquanto com as pessoas especiais 

Lagosta: um prato chique para comer de vez enquanto com as pessoas especiais 

As lagostas são consideradas pelos biólogos como crustáceos que fazem parte da mesma família que os caranguejos, a Nephropidae. Elas são amplamente utilizadas na gastronomia do litoral brasileiro, apesar de não serem tão famosas e conhecidas no oeste.

Uma das suas principais características é o seu esqueleto, que é mais rígido, fazendo com que  a carne se encontre em seu interior. Apesar de contarem com colorações distintas, hoje em dia vem sendo raro encontrar opções que contam com a paleta mais alaranjada ou vermelha.

Neste artigo de hoje, falaremos melhor sobre as características da lagosta e como ela pode ser utilizada na alimentação, o que fazer para acentuar o seu sabor e seus benefícios. Você verá que merece, sim, um prato com este crustáceo na sua mesa!

Portanto, se quiser saber mais sobre, basta que continue a leitura com o Empório Vivenda Camarão

Você merece sim uma lagosta de vez em quando

Você já se perguntou, em algum momento, o motivo pelo qual a lagosta não faz parte da alimentação de muitos brasileiros? 

O primeiro ponto é, evidentemente, o valor. O quilo da lagosta pode custar mais de R$100, o que sabemos que é muito caro para boa parte dos brasileiros. No entanto, é possível encontrá-la por valores mais baixos em alguns estabelecimentos e, mais do que isso, é possível consumí-la como um mimo em ocasiões especiais, se permitindo conhecer mais sobre esse alimento.  

Além disso, existe outro fator que torna a lagosta pouco comum. De acordo com o Globo, nos últimos 20 anos, o crustáceo vem se tornando um item escasso no mercado justamente pela complexidade que envolve a sua pesca. Como forma de reverter essa situação e fazer com que houvesse a procriação destes animais, a lei brasileira determinou um período para a realização da sua pesca. 

Estima-se que uma das poucas partes nobres da lagosta seja justamente a calda, que é formada por apenas 40% do peso. O restante do peso é formado pela cabeça e as patas. Ou seja,  grande parte de cada um dos animais não pode ser reaproveitada pelo restaurante. 

Apesar de tudo isso, você merece, mais do que tudo, ter acesso a todos os benefícios proporcionados por ela! Recompense o esforço da semana ao lado da sua família e pessoas queridas enquanto devora uma lagosta deliciosa!  🦞

Quais são os benefícios da lagosta?

Você sabe quais são os benefícios da lagosta para a saúde e por que inseri-la agora mesmo em sua alimentação? Neste artigo, separamos algumas vantagens que você precisa conhecer. 

Rica em vitaminas do complexo B

As vitaminas que fazem parte do complexo B são ótimas para o sistema nervoso e para o cérebro, fazendo com que possua menos problemas voltados para o esquecimento e memória. Elas previnem a degradação das células por intermédio da oxidação e agem como agentes antioxidantes. 

Alguns cientistas alegam que auxiliam o coração e previnem doenças psicológicas como a ansiedade e a depressão, que causam a sensação de pertencimento ao mundo e angústia. Junto a demais proteínas e nutrientes, vitaminas deste complexo são perfeitas para prevenir a anemia. 

Extensa fonte de proteína

Outra vantagem proporcionada pelo consumo de lagosta no dia a dia é em relação ao fornecimento de mais proteínas, que incentivam a produção de colágeno e mantêm a pele e unhas mais hidratadas.

Em suma, todos os nutrientes que fazem parte deste crustáceo são ótimos para a boa formação muscular, sendo uma aposta para quem costuma praticar musculação e academia com atividades físicas mais intensas. 

Justamente porque é rica em proteínas e fibras, auxilia no controle de insulina e glicemia do sangue. Por isso muitos nutricionistas recomendam que seja inserida na alimentação. Libera o açúcar no sangue aos poucos. Portanto, mantém a saciedade por muito mais tempo. 

Poucas calorias 

Quando a carne de crustáceo ou frutos do mar é comparada à carne vermelha, pode-se dizer que fornecem uma quantidade menor de calorias, sendo uma recomendação para quem está de dieta ou reeducação alimentar.

Você pode consumir a lagosta em seu almoço ou jantar sem ficar com medo de, por algum motivo ou outro, acabar saindo da dieta. Viu?  Devore essa delícia sem medo de ser feliz.

Além disso, se a sua dieta já é rica em proteínas, manter a lagosta na alimentação dará um gás a mais para a realização das suas tarefas. 

Em compensação, devido às suas gorduras boas, que não engordam, a carne fornece bastante energia e melhora a atenção para o restante do dia. Manterá o seu corpo super nutrido e fortalecido, suprindo todas as necessidades. 

Auxilia na redução do colesterol ruim 

Por fim, mas não menos importante, a lagosta auxilia o seu corpo a controlar os níveis de colesterol ruim.

Como inserir a lagosta na alimentação?

Você sabia que existem muitas formas para inserir a lagosta na alimentação? É possível servir a lagosta assada na brasa, no forno ou, quem sabe, misturada com outros alimentos, inclusive com o arroz, que é um dos destaques da cultura gastronômica brasileira. 

Uma dica é procurar por receitas de lagosta no Youtube e em portais especializados em pratos típicos para encontrar uma variedade de opções. Sirva alguns acompanhamentos deliciosos que poderão incrementar e intensificar o sabor, como é o caso de vinhos e outras bebidas. 

O camarão é uma das carnes que combinam e servem super bem como acompanhamento! 

Ama frutos do mar? Seu lugar é aqui na Empório Vivenda do Camarão

Neste artigo, abordamos um pouco mais sobre o que é lagosta e os motivos pelo qual não é tão presente na gastronomia brasileira durante muitas épocas do ano. Além disso, fornecemos algumas dicas práticas de como a inserir na alimentação. Você também viu que merece esta delícia nos finais de semana especiais com as pessoas amadas. 
Se você gosta de frutos do mar e crustáceos, convidamos para conhecer os nossos produtos que são super fáceis de serem preparados. Com o Empório Vivenda do Camarão você prepara pratos típicos investindo pouco tempo na cozinha e passando mais tempo com o que importa: sua família e pessoas queridas.

Compartihe este post

Posts que você pode gostar: